segunda-feira, 1 de junho de 2009

Faces Ocultas


O que é o amor, senão a cumplicidade, a harmonia, a doação e a admiração, unidas a freqüente vontade de estar o tempo todo dedicado a este amor?
A arte não é diferente. Quem comprova essas breves palavras, a princípio melosas e corriqueiras, são os bailarinos da Faces Ocultas Cia. de Dança, que apresentaram de 22 a 27 de maio, espetáculos consagrados, que há 12 anos vêm fazendo sucesso por onde passam.
“Poemas Brasileiros”, “Quatro Paredes”, “Vela pra qualquer santo”, “Folcloreando”, “Rubras Faces”, “A Ópera Caiu”, “O Lago do Cisne”, “Faces Dança Elis”... esses são apenas alguns dos tão aclamados espetáculo que fazem da Faces Ocultas, uma das Cias. mais importantes e significativas do Estado de São Paulo.
Alguns movimentos são identificados em várias coreografias. O estilo do coreógrafo (na maioria das vezes, Arilton Assunção) é gravado pelas nuances bucólicas e sentidas. Porém, cada espetáculo fala uma língua, exprime uma realidade única que é transmitida pelos bailarinos de forma espetacular.
O espectador mergulha na riqueza de detalhes que faz horas se passarem como um raio de luz mágica que permitem aos pensamentos se firmarem em realidade. Sim, o espectador dança com olhos o movimento executado pelo bailarino, que por sua vez, traduz o sentimento do criador.
O instante permite que a dança faça uma ligação tão profunda entre os envolvidos, que ao final do espetáculo, ao acender de luzes, todos involuntariamente se colocam de pé e ovacionam, se emocionam, aplaudem, tanto os do palco, como os da platéia.
A perfeição, o magnetismo, são notados em todas as apresentações: da cômica ao drama.
O olhar do público não se perde, nem por um segundo, e os bailarinos, em cada respiração, transmitem a esses olhos famintos pela beleza, uma sensação de preenchimento tão verdadeira, que é possível ver, pelo reflexo da lágrima não derramada, o casamento perfeito entre o fazer arte e o admirar e reconhecer.
Então, para quem ainda não teve o privilégio de ver essa Cia. tão eficiente e apaixonada se apresentar, fique atento a programação, que durante todo o ano é recheada por belas execuções.
Não importa o espetáculo apresentado, a certeza do namoro acontecer é fato!

(Faces Ocultas Cia. de Dança nas comemorações de seus 12 anos - Auditório Maestro Gaó - Salto/SP - maio/2009)

Em tempo:

Esse orgulho que sinto ao escrever o texto de hoje se dá por vários fatores. O primeiro por viver numa cidade mãe (genitora e acolhedora) de tantos talentos artísticos. Segundo por fazer parte desta companhia como admiradora, amiga, fotógrafa, e agora como professora. Mas o orgulho maior, talvez grande demais para caber no meu peito, é ver a evolução de um dos bailarinos especificamente, que há quatro anos vem crescendo profissionalmente e enquanto pessoa ali, cercado de pessoas do bem e amantes da arte da dança. Este último item tem sempre um gosto a mais, pois, por obra do destino, eu o incentivei, certa vez, para que com esta companhia fizesse um curso de férias... De lá para cá, o iniciante foi se desabrochando e hoje já começa a colher os primeiros frutos de um longo caminho a percorrer. Esta tão citada pessoa, é meu querido irmão, a quem tanto amo e reverencio!

5 comentários:

Fabiana Franco disse...

Lindo texto, Carol! Parabéns!
Também mando parabéns ao André - que conheci ainda criança e hoje já é um bailarino - e para a Faces, pelo trabalho primoroso de sempre!
Sou fã de todos vocês!
Abraços

André Luiz Odin disse...

O que dizer?
te amo... acho que é tudo!
e obrigado por fazer parte da minha vida e de sempre estar do meu lado... isso é mais importante do que qualquer outra coisa!
e sim, claro, agradeço sempre por ser minha irmã.
TE AMO

Drika Trevisan disse...

Ai que amor tudo isso. Deu até um nó na garganta. :D
Ele merece ne??

Karina disse...

Sim!!! Não pode ser outra coisa, senão amor!!!
Que bom poder ler o que vc escreve...
O duro é ficar esperando dar certo de conhecer estas companhias e ver as apresentações.
Foi muito difícil precisar trabalhar e não assistir a sua apresentação, ontem. Mas vou ficar de olho, e assim que eu puder estarei na primeira fileira...
Parabéns!!!

Sandra disse...

Perfeito...