terça-feira, 25 de agosto de 2009

Festival de Teatro Infantil ( e a luta por ingressos)

E não é que a saga por ingressos continua?
Pois é, por mais absurdo que pareça, é impressionante como a rapidez que os ingressos se esgotam, para assistir a qualquer espetáculo gratuito, realizado no Centro de Educação e Cultura (CEC) de Salto.
Mais intrigante é que mesmo cada pessoa podendo pegar apenas três ingressos eles acabam antes do esperado. O que deixa muita gente cabreira...

Porém, estou aqui hoje para falar de dois espetáculos que tive a oportunidade de assistir (após muita luta por ingressos, claro), em minha estreia como platéia neste novo teatro.
As duas peças fizeram o encerramento do II Festival de Teatro Infantil, que reuniu 60 atividades gratuitas com 36 grupos artísticos e teatrais de diversas cidades do Estado de São Paulo, em apenas quatro dias.

"Os Saltimbancos"
A peça é clássica e trouxe ao palco do CEC, delicadeza e diversão. O diretor Sandro Bergamo é também um dos protagonistas, juntamente com Elaine, Marcelo e Simone.


"As aventuras da Bruxa Morgana"
Rosi Campos interpreta a famosa Tia Morgana do "Castelo Rá-tim-bum", juntamente com uma trupe de talentos. Minhas palmas vão para a atriz Bia Borin que simplesmente ganhou o palco e fez a criançada ir a delírio.


Críticas: Claro que sempre alguma coisa sai de sincronia, o que é normal num espetáculo ao vivo, por isso não apontarei nada em especial sobre as peças, que foram leves e muito gostosas de assistir. Peço apenas que a equipe de som do teatro aprenda a mexer nos botões, pois o som das únicas duas caixas de som, a todo tempo estourava ou gerava microfonia. Minhas vaias vão a uma parcela do público, pelo mau comportamento: por conversar em voz alta, fazer barulho com sacolinhas e afins, mas sobretudo por insistir em ficar com bebês aos berros dentro da sala de espetáculos.

(Fotos 1 e 2 - A.I.Pref. / Foto 3 - Fabiana Franco - Jornal Taperá)

Nenhum comentário: